24 março, 2016

[CONHEÇA] - DESTROY THE GUILLOTINE

Destroy the Guillotine é uma banda de Metal de Florianópolis/SC formada em Junho de 2015.


Gabriel Pinheiro e Luiz Henrique Martins sempre foram bem próximos e as influências musicais sempre muito semelhantes, entre várias conversas sempre acabava rolando algumas jams de Escape The Fate e Falling In Reverse, até chegar a hora de decidirem montar uma banda.

O intuito inicial era apenas homenagear suas bandas favoritas, assim como várias outras bandas em inicio de carreira, mas com o tempo viram que poderiam ir mais a fundo e investir em suas próprias composições, o que deixou isto mais fácil é que já tinham em mente os outros integrantes para formar a banda.

Pedro Henrique Martins, foi convidado a assumir o posto de Guitarra Base, por alguns trabalhos que já fazia e tinha envolvimento, ja era conhecido por Gabriel Pinheiro. Ao parar para conversar sobre música em redes sociais o papo foi desenrolando e como as ideias de todos bateram, Pedro Henrique aceitou o convite, porém algum tempo depois teve que se retirar da banda.

Por indicação de Pedro Henrique e Luiz Henrique, Thales Stipp foi indicado a assumir a cozinha da banda, logo após a saída da banda Liberalia. Thales foi convidado a fazer um teste, porém estava com outros convites para outros projetos, mas no fim acabou aceitando e isso foi algo que o mesmo até hoje afirma ter sido a escolha certa, afinal logo no primeiro ensaio o baterista promissor se encantou por algumas músicas autorais que estavam em fase de composição e assim aceitou o convite para assumir as baquetas da Destroy The Guillotine.

O maestro das quatro cordas, Gustavo Calandrini foi convidado para assumir tal função, o mesmo era conhecido de infância de Gabriel Pinheiro o qual conviveram anos e anos juntos, Gustavo foi um dos maiores incentivadores para Gabriel em seu inicio de carreira, dando assim até dicas. Mantendo contato a anos, Gabriel fez o convite a Gustavo no qual aceitou e assumiu a parte dos graves da banda.

O brilhante guitarrista, Michel Neto.
Durante alguns ensaios, Luiz Henrique teve que se ausentar por alguns meses, Thales indicou um amigo que fazia aulas com ele em uma instituição da capital, deixando claro que seria por algum tempo, o convidado era Michel Neto o qual se encaixou perfeitamente na banda na ausência de Luiz Henrique, porém com a volta de Luiz Henrique a banda teve que por algum tempo dispensar o vocal temporário, mas mesmo assim Michel Neto se manteve próximo da banda, auxiliando com dicas, opiniões e até como roadie e técnico de som, mas com a saída de Pedro Henrique das guitarras, Michel Neto então teve a oportunidade que buscava e com o convite e mãos, aceitou assumir a Guitarra base da DTG.

A primeira grande oportunidade da banda, foi para abrir para o Glória em Florianópolis/SC, ou seja, um grande show 'em casa', com a oportunidade em mãos a Destroy The Guillotine precisava apresentar algum material até o show, porém a banda não tinha autorais para apresentar e como nas horas difíceis que grandes guerreiros surgem, Gabriel Pinheiro compôs as cinco músicas do futuro EP "Beaten by Demons" sozinho e apenas(incríveis) três dias, algo que surpreendeu o restante da banda com a facilidade de Gabriel em compor algo realmente complexo e motivador, sendo assim os incentivando a compor ainda mais, tendo músicas até para um futuro segundo EP.

Gabriel Pinheiro é a alma da Destroy The Guillotine
Recentemente, Luiz Henrique em consenso com o restante da banda, decide deixar a banda, assim, Gabriel Pinheiro e Gustavo Calandrini também resolvem encerrar as atividades de seu projeto paralelo de um tributo ao Avenged Sevenfold, dedicando-se apenas a Destroy The Guillotine. Com a saída de Luiz Henrique, a banda realizou o convite para Henrique Salvático assumir os vocais, o qual já tinha uma certa afinidade com os membros, afinal o mesmo era vocalista do projeto paralelo de Gabriel e Gustavo, por mais que não fosse o estilo preferido de Henrique, o mesmo se encantou pelas músicas autorais, definido-as como Geniais e aceitou o convite para fazer um ensaio de teste, para 'medir' a sensação de estar em uma banda assim. Algum tempo depois resolveu aceitar o convite e firmando uma formação sólida e fixa, Destroy The Guillotine anunciaria logo em seguida o lançamento do primeiro EP intitulado de "Beaten By Demons" para a metade de 2016, o qual está sendo produzido pelo ex-guitarrista e eterno amigo da banda, Pedro Henrique.

Capa do futuro EP.
FORMAÇÃO

Henrique Salvático - vocal
Gabriel Pinheiro - guitarra solo
Michel Neto - guitarra base
Gustavo Calandrini - baixo
Thales Stipp - bateria

SIGA DESTROY THE GUILLOTINE
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

Um comentário: