27 março, 2016

[RESENHA] - ALKANZA "COLONIZADO PELO SISTEMA" (2015)

Thrash Metal é umas das vertentes mais populares do Heavy Metal, sendo uma  vertente  muito abrangente. A banda Alkanza, originaria de Laguna - SC, faz um som agressivo cantado em português, vomitando realidade, exibindo a hipocrisia humana em cada musica. 

Alkanza de inicio era um quarteto, que na mesma brutalidade 'vomitava' verdades, porém em Inglês, mas com o passar do tempo resolveu criticar o sistema na maneira correta, em português. "Se queremos fazer criticas ao nosso país, temos que cantar em Português" em diversos shows Thiago Bonazza, vocalista e baixista do Alkanza menciona tais palavras. O que não cansamos de ver em muitas bandas, são músicas ácidas e ásperas sobre o nosso país(principalmente sobre o caos que se encontra), cantadas em Inglês e exatamente pensando sobre isso, que o Alkanza remodelou recentemente a roupagem da banda, para trazer o poderoso CD "Colonizado Pelo Sistema".


OUÇA O DESTAQUE DO CD, A SEGUNDA FAIXA INTITULADA "DESORDEM" 

CAPA OFICIAL DE COLONIZADO PELO SISTEMA
O disco "Colonizado Pelo Sistema" contém 8 faixas de puro Thrash Metal, um petardo atrás do outro. Primeira faixa esmurrando ordinariamente é a "Foda-se O Sistema", com uma ideia anarquizada, e instrumental forte e bem trabalhado. "Desordem" da continuidade, Thrash sem massagem, passando a mensagem direta, não procurando ser inovador, mas tocar o que querem, da forma que bem entendem, arregaçando ouvidos e queimando neurônios. 

"Brasil" exibe nossa realidade caminhando para a decadência sem fim, com um vocal que lembra bandas de Hardcore, e instrumental do metal, cruamente seco e rápido, agressivo como deve ser. "Psico Terror" continua o holocausto sonoro, som bem definido fácil de absorver a mensagem, exibindo nojentamente a ideia. Disco muito interessante, para fãs de Metal, com sonoridade agressiva que te deixa com raiva e ódio, mexe com seus neurônios, então pare tudo e escute o Disco, mas não bata em seu irmão.


TRACKLIST
01 – Foda –se o Sistema
02 – Desordem
03 – Brasil
04 – Porrada
05 – Psico Serror
06 – Dominação
07 – Isso é Violência
08 – Residente do Caos

FORMAÇÃO
Thiago Bonazza - voz e baixo
André Guterro - voz de apoio e guitarra
Ramon Scheper - bateria


SIGA ALKANZA

PRODUTOR
JOSÉ ROBERTO (CHAPOLIM)
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário