29 março, 2016

[RESENHA] - THE GOTHS "THE DEATH" (2016)

O que posso resumir desse disco é a grata surpresa que ele me causou na primeira audição. Em época de rebuliços em torno do provável novo álbum do Metallica que deve sair esse ano ou não, chega aos meus ouvidos, graças ao amigo Gleison Júnior do site Roadie Metal, um disco que com certeza mata um pouco da sede dos fãs da banda. The Goths vem do underground com o gás e fogo que a banda americana carrega, mas com toques pessoais que tornam o som do álbum "The Death" algo realmente impressionante.
Capa retrata a temática abordada em boa parte das canções: Morte e caos

O timbre do vocalista Felipe Disselli lembra de mais o de James Hetfield, porém um pouco mais grave, o que torna as coisas mais interessantes. Os riffs feitos por ele e Felipe Hervoso trazem um peso que alterna entre o Thrash e o Heavy, talvez ficando mais na segunda opção. O baixo de Will Costa acrescenta muito no som, acompanhando firme as guitarras, destacando-se bem com suas linhas. O irmão do frontman, Lucas Disselli, assume a bateria da banda com batidas e seguimentos fortes. Vale ressaltar que as guitarras contaram com faixas gravadas pelo ex-guitarrista da banda Bruno Gusman nesse disco, assim como o baixo foi pelo ex-baixista Fabio Ferrucio.

"The Death" é um disco curto, com oito faixas, o que acaba sendo algo bom, pois em 35 minutos a banda mostra sua pegada e suas ideias, dando aquele gosto de "quero mais" no ouvinte. Como já disse, é nítida a influência do Metallica no som da banda, principalmente da fase mais Heavy dos americanos, mas The Goths também mostra muita autenticidade, principalmente na linda faixa "Waiting For Changes", que é a baladinha do disco, que apresenta uma bela melodia e letra, além de um solo inspirado.

A faixa título, que abre o trabalho, traz o lado agressivo da banda, junto com a "Killing Your Fate" e "Nightmares In Your Head". Esta inclusive é minha favorita. Muito bem trabalhada em todos os instrumentos, estando bem alinhados como canhões na linha de frente de uma batalha. O fogo é disparado e acerta em cheio a sua cabeça.

É um disco que realmente vale a pena ouvir e uma banda que devemos prestar atenção para vermos o que pode surgir à seguir. The Goths é uma banda que chega forte com esse lançamento e promete muita coisa pela frente.


FAIXAS
01 – The Death
02 – Killing Your Fate
03 – Kingdom Of Sorrow
04 – Waiting For Changes
05 – Me… My Own Enemy
06 – Strange Way Of Living
07 – Nightmares In Your Head
08 – Too Late

MEMBROS
Felipe Disselli - vocal e guitarra
Felipe Hervoso - guitarra
Will Costa - contra-baixo
Lucas Disselli - bateria



← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

2 comentários:

  1. Bom dia Vinicius, resenha top, muito obrigado pelos elogios e é satisfatório ver que o disco está agradando, só queria da um toque, o Bruno gavou algumas partes pois ele era integrante da banda na época e saiu logo após as gravações, eu gravei a maioria dos solos, muito obrigado meu brother, abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devidamente arrumado! Obrigado pela leitura e atenção \,,/ abraços

      Excluir