21 novembro, 2016

Resenha: Dark Silence of Death - Somberland (2016)

O Metal extremo vem crescendo no Brasil com números impressionantes e muitas vezes são pessoas com um certo tempo de carreira no Rock/Metal, que levam a banda a outro patamar, este um pouco mais profissional, investindo em material e novas músicas. Recebemos o primeiro EP do Somberland, banda de Black Metal de Santa Catarina.



Eu particularmente me assustei quando um dos bateristas que mais acompanho falou em suas rede sociais que estava de saída da Don Capone (uma das minhas bandas favoritas) e logo após ter anunciado seu novo projeto de Black Metal. Wagner Borges sempre foi um baterista bem versátil, técnico, furioso e de muita qualidade. Mesmo não entendendo muito de Black Metal, recebi com muita felicidade o contato do amigo e baterista para receber o disco para uma resenha, desde já o meu agradecimento a banda e em especial ao Wagner.

São três faixas literalmente destrutivas, a raiva está pulsando em suas veias até chegar aos dedos, que impulsionam a construir grooves e acordes fortes, pesados e raivosos. O vocal tem que se redobrar, além de dar um peso monstro no baixo tem que ter o vocal tipico de um vocalista de Black Metal e não é que o cara consegue? O que me chama atenção na bateria é como o barulho do ride/condução tem a semelhança com um sino e isso deixa a sonoridade da banda ainda mais sombria do que já é, parece cômico mas as vezes é meio assustador. 



Mesmo que sejam três "simples" faixas o trabalho já trás uma primeira prova do que a banda é capaz, construir faixas pesadas e versáteis é com os caras. Um peso absurdo e assustador, não segue uma linha reta como muitos Black Metal's que já ouvi e resenhei, a banda tem uma mistura de Thrash e Death que deixa o som ainda mais poderoso, ironicamente harmônico e cadenciado, a versatilidade dos músicos fazem total diferença, é de me deixar boquiaberto com tanta técnica, mesmo sendo um gênero que muitas vezes só se importa se está pesado ou não, o Somberland se preocupa se está soando profissionalmente e isso eles alcançaram com muito exito, EP sensacional. 

TRACKLIST
01) Forever Dark Wood
02) Fallen Angel
03) Into The Front

FORMAÇÃO
W.A.G. - bateria
Orland - guitarra
Diavolus - guitarra
E. Nargoth - baixo e vocal
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário