13 fevereiro, 2017

Feminismo na Música: A Vingança de Jennifer #3

Não tem como falar em "Feminismo na Música" e não citar essas garotas do punk rock. Portanto, estamos aqui hoje para apresentar à vocês: A Vingança de Jennifer.


O nome da banda foi inspirado no filme "A Vingança de Jennifer (I spit on your grave)" de 1978. O filme, conta a história de Jennifer, uma mulher da cidade que resolve tirar uns dias de férias numa casa isolada no interior da cidade para concluir um livro que escrevia. Lá, ela é violentada, perseguida e estuprada por quatro moradores locais, terminando quase morta. Apesar de tudo, com o tempo, ela se recupera e volta para buscar sua vingança, um a um.

Natural de Canoas-RS, A Vingança de Jennifer chega levantando uma série de questionamentos e desconfortos em relação às nossas vivências cotidianas, seja na música, no trabalho, na arte e todos os outros espaços que lutamos pelo direito de ser o que a gente é, pelo direito de ter autonomia sobre nossos próprios corpos.

Elas querem cada vez mais se empoderar e empoderar mais corpos, ocupar os espaços. A vingança de Jennifer é uma banda, um coletivo, um grupo de irmãs, um manifesto, uma ação.

FORMAÇÃO:
Ana Letícia: guitarra/voz/bateria
Lú Barata: baixo/voz
Amanda Paz: baixo/voz
Kamila Lin: bateria/guitarra/voz

Jennifer representa todas aquelas que se sentiram agredidas, violentadas e/ou submissas pelo machismo que nos é imposto a toda hora. Jennifer é também a resposta, o empoderamento de nós mesmas, nossas vontades, corpos e vozes. Jeniffer é ação para mudarmos as opressões que nos submetem. 
Jennifer é autonomia.
CONFIRA UMA APRESENTAÇÃO DA BANDA


SIGA A VINGAÇA DE JENNIFER
Soundcloud | Facebook


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário