17 fevereiro, 2017

Conheça: Canábicos (Araguari/MG)

Os Canábicos são certamente uma das bandas mais produtivas do triângulo mineiro. Liderada pelo guitarrista Murcego González (Uganga) e pelo vocalista André Clandestino, o grupo vem lançando praticamente um disco por ano desde que foi formado em 2013: “La Bomba” (2013), “Reféns da Pátria” (2014) e “Alienígenas” (2015) compõem a discografia da banda até aqui.



Embora o ano de 2016 não tenha sido coroado com mais um trabalho, engana-se quem pensa que o grupo diminuiu o ritmo. Os Canábicos, que ainda contam com Mestre Mustafá na bateria e o baixista MM, estiveram o ano passado inteiro voltados à produção daquele que promete ser seu melhor álbum até aqui: “Intenso”.

“Intenso” foi gravado no estúdio RockLab em Goiânia sob produção do mestre Gustavo Vazquez (Uganga, Black Drawing Chalks, Hellbenders) e vai reunir as faixas “Planeta Estranho”, “Fora da Lei”, “Intenso”, “Não Faz Sentido”, “Lei do Cão”, “Viagem Espacial”, “Rotina” e “Eu não sei o que vai ser de mim”. De acordo com Clandestino, além da profusão criativa existente entre ele e Murcego González, a vitória do Festival Fun Music em 2015 foi fator preponderante para a gravação de “Intenso”:

Estávamos entusiasmados com a conquista do Fun Music e também com a possibilidade de darmos novos passos em nossa carreira”, comenta o vocalista. “Ter um produtor mais voltado a linguagem do hard rock foi essencial para o que buscávamos, e o Gustavo Vazquez era certamente a pessoa mais indicada, além do fato de já termos trabalho com ele na música “Sexo, Drogas & Rock N Roll” lançada como videoclipe em 2013. Para a seleção do repertório, eu e o Murcego priorizamos as músicas com mais “pegada”. Algumas faixas como “Eu não sei o que vai ser de mim”, “Lei do Cão” e “Viagem Espacial” foram compostas há mais de 10 anos. Outras, como “Rotina”, surgiram poucas semanas antes das gravações. Acho que isso difere um pouco esse disco dos demais: geralmente gravávamos as músicas que vínhamos compondo naquele momento, sem pensar muito em estilo; dessa vez buscamos dentro de todo o nosso repertório as músicas num estilo mais hard rock, que é como eu definiria o “Intenso” dentro da nossa discografia”.



Hard Rock com referencias que vão de Beatles a Black Sabbath, ou de Rolling Stones a Led Zeppelin, cantados no bom e velho português. Essa receita logo chamou a atenção da renomada gravadora e produtora Monstro Discos de Goiânia que decidiu oferecer aos Canábicos um contrato de lançamento. “O vigor e o power rock dos Canábicos me chamaram a atenção”, diz o sócio-fundador e diretor executivo da Monstro Discos, Leo Bigode. “Eles fazem rock como tem que ser, sem firulas, reto, direto, e ainda conseguem ter partes harmônicas sem ser chato. É uma banda criativa e intensa.” “Intenso” sai agora em Fevereiro em CD e também em todas as plataformas digitais.

FORMAÇÃO
André Clandestino - vocal
Murcego González - guitarra e vocal
M.M. - baixo
Mestre Mustafá - bateria e vocal

SIGA CANÁBICOS
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário