24 abril, 2017

Resenha: O Ataque dos Headbanger Virjão - Bonde do Metaleiro (2016)

Calone Hoffmann é um multi-instrumentista, sua maior qualidade é seu bom humor e por conta dessas brincadeiras, nasceu o personagem "O Metaleiro". Seu primeiro vídeo foi a versão em Heavy Metal de "Minha mulher não deixa não", que hoje contabiliza mais de 610 mil visualizações em seu canal oficial do YouTube. Depois do tamanho do sucesso de um vídeo sem muita expectativa, qual seria o motivo de não continuar? Depois de vários vídeos e um destaque gigante em seu canal, nasceu mais um projeto, o "Bonde do Metaleiro", onde tiveram seu primeiro disco com treze canções lançadas, disco este intitulado de "O Ataque dos Headbanger Virjão", uma mistura de Humor e Rock 'n Roll/Heavy Metal.



Recebemos o disco diretamente d'A Hora Hard e autografado, sendo assim, iniciamos essa resenha agradecendo pela gentileza de Calone pela assinatura e presente, e ao grandioso Russo, que sempre vem nos apoiando. O disco "O Ataque dos Headbanger Virjão" tem participações para lá de especiais, estão neles: Detonator, Dj AN., Caio MacBeserra do Project 46. As músicas obviamente falam sobre zoeitas, entre elas nomes das faixas como: "Foda-se o Sistema (Operacional)", "Hino dos Virjão", "Black Surf Metal", "Ursinho Diferenciado". O que existe de comum entre as músicas além da zoeira, é a qualidade delas. Mesmo que sejam músicas de humor, é fácil identificar o bom trabalho instrumental em todo o trabalho. 

O disco inicia com a "E aí Headbangers" uma introdução que nos faz ter um gostinho do que será o restante da obra, introduções são sempre bem vindas em discos, super apoio. Todas as músicas sem exceção tem um refrão que gruda na cabeça, logo é impossível não cantarolar junto e ficar tirando sarro com os amigos. Ao mesmo tempo que ouço para escrever este, canto, dou risadas e me divirto com o trabalho. Considero a música mais engraçada do disco a décima segunda, "Arnold Shuázenegar", pela forma como é cantarolada, sua métrica vira uma sátira que impossível não cantar junto (como já mencionado). 

Mesmo com boas doses de humor, ou melhor, mesmo com humor sem dosagem, hahaha.. O disco é excelente, é todo trabalhado, mesmo que suas letras sejam sátiras e para dar risadas. Temos bons solos, uma cozinha muito bem conduzida e um ótimo vocal que alterna o gutural e vocais limpos. As músicas não seguem aquele mesmo compasso do começo ao fim, tem bons breaking down's. Fica então o convite para ajudar no segundo disco do Metaleiro, saiba como clicando aqui. Ele precisa da nossa ajuda!

TRACKLIST
01 - Introdução (E aí Headbangers) 
02 - Brasileiro
03 - Hino dos Virjão
04 - Quem Brinca Com Mijo (feat. Detonator) 
05 - Ursinho Diferenciado 
06 - Fuck You Haters (feat. Caio MacBeserra)
07 - Diferentona
08 - Black Surf Metal
09 - Foda-Se o Sistema (Operacional)
10 - Estacionamento
11 - Quem Peidou?
12 - Arnold Shuázenegar

SIGA METALEIRO

SIGA BONDE DO METALEIRO


Material recebido pel'A Hora Hard.
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

3 comentários:

  1. Que resenha mais linda.. vlwww a força maykoooooon

    ResponderExcluir
  2. Mesmo que o próximo seja PERFEITO, eu ainda prefiro o primeiro álbum <3

    ResponderExcluir