19 maio, 2017

Cobertura: Scream Metal Blood (Célula Showcase)

O SubSolo teve o prazer de cobrir a segunda edição do Scream Metal Blood, na Célula Showcase em Florianópolis. O evento ocorreu na véspera do feriado de Dia do Trabalhador, no domingo (30/04). 


A imagem pode conter: 2 pessoas, texto

A casa abriu cedo, às 18h, e o público já foi chegando. A primeira banda subiu ao palco às 19:40h. Daniel Silveira (baixo e voz) e Karina D'Alessandre (bateria) compõem a Cassandra. O duo de Sludge/Doom Metal, formado no início de 2014 em Curitiba/PR, tem influências que passam pelo Dark Ambience e Post-Metal, criando uma sonoridade experimental densa e pesada sempre cantada em português. É impossível desviar a atenção quando a Cassandra sobe ao palco. O baixo e a bateria combinados aos ataques agressivos do vocal dá à banda uma expressão ímpar. O show é intenso do início ao fim: Cassandra garante uma experiência diferente e, certamente, inesquecível ao público. Confira abaixo os trechos do evento gravados pelo organizador Ed Machado.



A segunda banda a assumir o palco da Célula foi a Sodamned. A banda de Joinville/SC é formada por Juliano Regis da Silva (guitarra e vocal), Felipe Gonçalves (baixo e vocal), Eduardo Blumer (guitarra) e Gilson Lange (bateria). A dinâmica da banda é algo único e que merece destaque: os vocais são divididos entre dois integrantes, uma junção do gutural com ataques agudos e agressivos. A proposta da banda é praticar sua própria maneira de tocar Death e Black Metal, incorporando a esses estilos outras formas de Metal. A Sodamned representa com muita qualidade a combinação entre melodia e brutalidade.



A terceira e última banda foi a Children Of Asgaard de Campos Novos/SC, formada por Neri Batista (vocal e guitarra), Anderson Lima (guitarra), Leimar Scaini (baixo) e Edison Vieira (bateria). A banda, que surgiu no ano de 2013, em uma reunião de amigos de longa data que admiravam um mesmo estilo musical, é um tributo à banda sueca de Melodic Death Metal Amon Amarth e diz a que veio: ser fiel à sua proposta! A junção do som bem executado com a energia do público fez com que fosse possível quase se sentir num show da Amon Amarth. A Children tocou os clássicos, como The Pursuit of Vikings, que foi pedida aos berros desde que eles subiram ao palco, além de músicas do novo álbum Jomsviking. Os vikings ficaram muito felizes!




Um evento como este, capaz de reunir numa única noite diferentes estilos representados com tamanha qualidade e organização impecável, deve ser parabenizado. Tão logo se encerra a segunda edição do Scream Metal Blood, já estamos ansiosos pela terceira. 


ACOMPANHE AS BANDAS


ACOMPANHE A PÁGINA DO EVENTO

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário