10 novembro, 2017

Sheena Ye: banda crava seu nome na cena nacional com disco poderoso


Em tempos turbulentos para o rock, ainda há quem tenha a audácia de caminhar sobre esse terreno pedregoso. Para a Sheena Ye, fazer rock’n roll não é ousadia, mas sim um reflexo da cena goiana, que segue seu curso. 

Encarando o rock como uma religião, a banda acaba de lançar o primeiro álbum. Seu Tempo Acabou foi gravado no estúdio Rocklab, em Goiânia, sob a batuta do mestre Gustavo Vazquez, que já produziu discos do Macaco Bong, Black Drawing Chalks, MQN, The Rockefellers e tantos outros. São onze músicas que relatam dilemas cotidianos encorpados por um rock cru, com riffs poderosos  e cozinha precisa. O disco conta ainda com participação especial do próprio Gustavo Vazquez, nas guitarras, e de Luiz Gustavo Medeiros, no vocal de apoio. Capa e encarte são do designer Paulo Rocker, também vocalista e baixista da banda Gramofocas.

Formada em 2013, a Sheena Ye é um trio formado por Mário Nacife (baixo e voz), Douglas Dieck (guitarra) e Vinicius Bernardes (bateria). Rock duro, stoner tupiniquim e com temperos do punk. A banda já é um dos nomes fortes da cena local e acaba de chegar de uma turnê que passou por 12 cidades de 5 estados, rendeu ainda uma participação no Showlivre e confirmou a máxima de que uma banda de rock se faz é na estrada.

Antes desse disco, a banda chegou a soltar um EP com quatro músicas (também disponível nas plataformas de streaming) e “emplacou hits” como Tudo que é Bom e Doida Demais, que empolgaram as platéias dos festivais locais ou de shows com Cachorro Grande, Matanza, CPM 22, Radio Moscow e Kadavar, entre outros.

Mais maduros, mais calejados e com sangue nos olhos, o Sheena Ye já traça agora novos planos para invadir outros palcos pelo País, dispostos a acordar a vizinhança, denegrir a própria saúde e transformar vidas medíocres. Podem encomendar o caixão!

Ouça "Seu Tempo Acabou" em todas as plataformas digitais:
Google Play: http://bit.ly/2sj9lWu
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário