26 setembro, 2020

Topfive: cinco bandas para ouvir neste final de semana #167

Chegamos ao final de semana e esse Topfive será uma boa forma de você, caro leitor, renovar a sua playlist. No dia 17 de Outubro teremos o primeiro (pode ser que seja o único) Festival O SubSolo Online Edition e utilizarei esse Topfive para apresentar cinco bandas do cast que será divulgado nesta próxima semana, para irmos nos aquecendo para esse mega evento.



Espero que assim como eu, todos vocês também estejam consumindo músicas e bandas novas durante essa pandemia e para ajuda-los a ter boas opções, segue a minha lista de hoje.


01) Apokrisis - Death/Thrash Metal Progressivo - São Paulo/SP

A paulistana Apokrisis executa um Death/Thrash Metal progressivo desde 2007. Formada em São Paulo/SP pelo vocalista Rodrigo Sanner, a ideia sempre foi criar uma sonoridade técnica, agressiva e com sua identidade própria. No currículo a banda contém dois singles são eles, Quantum Messiah e Memorieslançados em 2017 e 2018 respectivamente. Mesmo durante essa pandemia, a banda está trabalhando no seu álbum de estreia intitulado Misanthropy.



02) Mercic - Rock Industrial - Portugal

Formada em 2015 na cidade de Grândola em Portugal, Mercic é uma das três bandas estrangeiras do Festival Online d'O SubSolo. A banda é a criação do multi-instrumentista Carlos 'Maldito', o objetivo do projeto é lançar somente álbuns de estúdio sem se prender a singles e videoclipes. O Mercic até faz shows ao vivo, mas é raro e isso se deve a filosofia do trabalho que é de fazer com que apenas a música seja o foco principal e fale por si. A sonoridade do projeto é única, passeia facilmente entre o Indie, Alternativo, Gothic Rock e pelo então apresentado, Rock/Metal Industrial. Ouça e tire sua própria conclusão sobre.



03) Inluzt - Hard Rock - Campinas/SP


Formada em 2013, o Inluzt traz o Hard Rock inspirado em bandas como Skid Row, Crashdiet, Warrant e até inspirações como Iron Maiden. Sua mistura de Metal com Hardcore pode ser conhecido como Sleaze Metal, que traz também influências fortíssimas do Glam e dose do Punk que é inevitável tratando de uma banda inspirada no Hard Rock oitentista e noventista. Destaque para o grande baterista Lexxi Souza no qual sou fã assumido do seu trabalho.


04) Silent Cry - Heavy Metal - Governador Valadares/MG

Silent Cry é uma banda na ativa desde 1993, quando foi formada em Governador Valadares no estado de Minas Gerais. Uma banda que sempre levou em consideração a total qualidade, versatilidade e as melodias marcantes de suas músicas. Relembrada sempre pela trinca irretocável de Tears of Serenity, Remembrance e Goddess of Tears. A banda chega para nosso festival com sua nova vocalista Juliana Rossi. Anunciando recentemente que com a energia da natureza brasileira e de suas grandes florestas, a promessa que nascerá o novo álbum intitulado Terra, totalmente conceitual com direito a documentário e livro ilustrado sobre toda a história da banda.


05) Anoushbard - Heavy Metal - Irã

A nomenclatura de Anoushbard é por causa de uma prisão política no Império Sasaniano (224 - 651 dC) e significa um lugar em que você esquecerá sua identidade e desaparecerá p ara sempre. Os integrantes denominaram assim pelo fato de estarem realmente interessados na história e em suas raízes persas. Formada em 2017, quando se cansaram da sua condição frustrante de ficar em casa e não fazer nada, sentiram sem esperança quando foram abandonados em projetos anteriores. Uma junção de grandes amigos que se conheceram em uma cafeteria em Teerã, botando todas as ideias musicais engavetadas que você pode ter um gostinho na íntegra a seguir. Anoushbard é uma banda iraniana que participará do nosso festival e isso nos da muito orgulho!