18 novembro, 2020

Resenha: Evil Never Rest's - Sepulchral Voice (2020)

A década de '80, para fãs de Metal extremo, tem uma relevância que é difícil de descrever. Foram dezenas de nomes que surgiram nessa época e foram responsáveis por criar paginas malditas na história do nosso Underground.

Entretanto, como temos por tradição (infelizmente) um cenário que não apoia as bandas muitos nomes acabaram encerrando suas atividades. 



O Sepulchral Voice formou se no ano de 1987 e manteve se ativo até 1991 com todas as dificuldades da época. A banda passou então por um hiato, porém, aquela vontade de se reunir com os bangers e fazer um barulho bateu forte e por isso, no ano de 2017 o grupo se reúne e  finalmente em 2020 justiça foi feita e temos o primeiro full Evil Never Rests

A formação atual é Harley Senra na voz, Luiz Sepulchral e Ronaldo Ron Seth nas guitarras, Pepê Salomão no baixo e Lélio Gustavo na bateria, que decidiram nos entregar um opus totalmente old school.

Já adianto, ouvidos sensíveis afastem se pois a abertura Existence In The Void é uma viagem sem volta ao inferno, uma levada de Sepultura dos primórdios (Bestial Devastation) está presente em Evil Never Sleeps (mortal em seus dois minutos). 

Killer Instint e Infernal Pain me ganharam fácil pela sua levada quase Thrash Metal na linha do Sodom do começo da carreira. Por outro lado Fallen Spirit e Blood Sacrifice fazem o rotulo velha escola ser merecido pois isso aqui é metal feito por quem tá na cena a muito tempo e entende como o estilo deve soar. 

Encerrando o trabalho Cold War é a faixa mais longa e cria uma sensação que está muito bem representada na capa: um cenário de desolação total. 

Final mente tivemos em mãos um debut da Sepulchral Voice para a banda deve ser uma sensação de dever cumprido para nós uma sensação que fomos massacrados pelo som, que eles não esperem mais algumas décadas para lançar algo. 

Material enviado pela JZ Press



TRACKLIST 

01) Existence in the Void 
02) Evil Never Sleeps 
03) Killer Instinct 
04) Infernal Pain 
05) Fallen Spirit
06) In The Storm 
07) Conjuration of Zombies
08) Blood Sacrifice
09) Unreal World
10) Cold War


FORMAÇÃO
Harley Senra - vocal 
Luiz Sepulchral - guitarra 
Ronaldo Ron Seth - guitarra 
Pepê Salomão - baixo 
Lélio Gustavo - bateria